Intimidade que vai além das telas

Posted on 06/02/2014

2


Exposição Epítome do Âmago propõe diferente conceito de criação artística

Obras vão além das molduras dos quadros e exploram intimidade dos artitas / Ellen Casadante

Obras vão além das molduras dos quadros e exploram intimidade dos artitas / Ellen Casadante

Artistas plásticos mineiros inauguram o calendário de eventos 2014 da Maison Escola e Galeria de Arte com a exposição “Epítome do Âmago”, mostra que reúne 20 pinturas produzidas a partir de um criativo desafio: utilizar, além das telas, a moldura dos quadros. Os trabalhos, que são entendidos como o resumo mais íntimo de cada pintor, podem ser conferidos até 8 de março, com entrada franca.

A proposta de desafiar a criatividade dos alunos surgiu do diretor da Maison e curador da exposição, Glauco Moraes. Para Glauco, utilizar as molduras dos quadros, como espaço para criar, também ajudou a resumir a parte mais íntima do indivíduo e artista. Ultrapassar as barreiras que delimitam a pintura é algo desafiador e ajuda a ampliar a visão sobre a arte”, explica.

As telas, com dimensão original de 50 x 70 cm, ganharam novos contornos. Com as molduras, as pinturas passaram para o tamanho de 100 x 80 cm. Houve quem batesse o pé para a proposta. Já outros pintores, toparam o desafio de não limitar a criação. Caso do artista Ruy Araújo, que assina a tela “Caminhos”.

Ruy Araújo, um dos alunos da Maison / Ellen Casadante

Ruy Araújo, um dos alunos da Maison / Ellen Casadante

Para ele, as molduras, com arabesco barroco, deram novos significados à obra, que flerta com o Expressionismo Alemão. Segundo Ruy, “a moldura ajudou a expandir o trabalho. Com ela, eu pude criar uma perspectiva diferente para o meu quadro. Quem olha, tem a sensação de que as cores estão saindo da tela, e isso é o mais bonito na arte”, disse.

Além de Ruy Araújo, a mostra conta com os trabalhos de Cacau Stefani, Dolores Paiva, Elaine Tassini, Etel Almeida, Fátima Mirandda, Flávia Peixoto, Heliana Foureaux, João Bicalho, Joselina Queiroz, Lélia Parreira Duarte, Letícia Pinto, Lu Villela, Mara Ulhoa, Maria Eugênia Simões, Renato Godinho, Rosely Almeida, Silene Fiuza, Vera Mechetti e Zilma Munhoz.

Anúncios
Posted in: Arte, Cidades, Cultura