Twitteiros de Belo Horizonte discutem a democracia nas redes sociais

Posted on 27/06/2011

0


O ETC_BH abordou a democracia nas redes sociais.

Desde as eleições presidenciais do ano passado, quando a candidata Marina Silva ganhou destaque por fazer uma campanha com forte caráter digital, as redes sociais têm sido cada vez mais utilizadas pelos jovens. Seja para interagir com amigos ou divulgar informações que eles julguem necessárias, a verdade é que essas redes, que até então não passavam de meros sites de relacionamento, se tornaram uma verdadeira febre no país. Um exemplo é o Twitter, o microblogging, que virou mania entre os internautas brasileiros que têm utilizado a ferramenta para promover manifestações públicas e movimentos sociais.

Pegando carona nas discussões políticas que sempre estão entre os assuntos mais comentados nos Trending Topics do Twitter, a 7ª edição do Encontro de Twitteiros Culturais, o ETC_BH, abordou a democracia nas redes sociais a partir do tema “Jovens, redes Sociais e democracia”. Organizado pela Estação do Saber, com coordenação da psicóloga Júlia Ramalho Pinto, o encontro dos twitteiros ocorreu no último sábado (25), no anfiteatro (L2) do Pátio Savassi, e foi transmitido ao vivo pela rádio CBN BH.

O Econtro de Twitteriros teve transmissão ao vivo da rádio CBN Belo Horizonte.

Para falar sobre o assunto foram convidados o cientista político e produtor cultural, Talles Lopes, a Mestre em Ciências Políticas e historiadora,Regina Helena Alves da Silva, o Doutor em Ciência Política, Bruno Reis e a psicóloga, Júlia Ramalho Pinto. O encontro foi mediado pelo jornalista Marcelo Guedes, da CBN BH.

O motivo da escolha do tema deste ano tem uma justificativa que incomoda boa parte dos políticos. Segundo pesquisa realizada em parceria entre a agência Box1824 e o instituto Datafolha, os jovens brasileiros veem cada vez menos os partidos como uma opção para o engajamento político. Isso porque, 59% dos entrevistados de 18 a 24 anos afirmaram não ter nenhuma preferência partidária. Mas, 71% consideram a web um meio para fazer política.

O encontrou também abordou os novos rumos da comunicação digital.

Durante o debate, os convidados discutiram os novos rumos da comunicação digital. Para eles, existe, hoje, uma nova forma de mobilização social que é feita por meio das redes sociais. Exemplos como as manifestações protagonizadas pela população da Tunísia e do Egito, contra a forma de governo, utilizando desses meios, contribuíram muito para a queda dos presidentes Zine El Abidine Ben Ali e Hosni Mubarak. No Brasil, movimentos como gente diferenciada, marcha da maconha e marcha da liberdade têm se torando cada vez mais freqüentes, o que comprova a mobilização da sociedade para exigir transformações sociais.

O ETC_BH tem tomado proporções cada vez maiores. Ao todo são 17 cidades participantes e 14 Estados mobilizados. O objetivo é reunir os usuários virtuais do Twitter em um relacionamento ao vivo, para discutirem os mais variados assuntos. Os organizadores também promovem o evento com o intuito de pensar a relação do Twitter com a cultura, formas de utilização e como o microblogging pode auxiliar na difusão de informações para públicos não interessados na área.

Fotos: Warley Desali

Anúncios
Posted in: Cidades, Tecnologia