Agência experimental promete movimentar o mundo dos eventos

Posted on 19/04/2011

0


O lançamento da Agência Ação faz parte da grade curricular do curso.

A faculdade é um momento na vida de qualquer estudante em que ele é instigado a criar, experimentar, errar… errar de novo, acertar. A academia também representa um ambiente de troca de ideias e sonhos. Alguns desses sonhos costumam sair do papel e se transformam em projetos consistentes e que podem ser uma oportunidade de carreira para que os novos profissionais conquistem uma fatia do tão concorrido mercado de trabalho. Os alunos do 4º período do curso de Eventos do Centro Universitário de Belo Horizonte (Uni-BH) provaram que a experimentação universitária pode caminhar com passos firmes rumo ao sucesso profissional durante o lançamento da agência Ação, na última terça-feira (30/11).

Amigos e familiares compareceram ao local para conhecer o trabalho dos alunos.

Na galeria de Artes do Teatro Ney Soares, amigos, familiares e convidados prestigiaram mais uma conquista da turma que cursa o 4º período do curso tecnólogo do Uni-BH. Os estudantes Breno Salgado, Bruno Vinicius, Débora Bomfim, Gabriel Henrique e Guilherme Lourenço realizaram uma festa cheia de movimento, cor e surpresas para apresentar a agência experimental criada por eles e que promete trazer novos conceitos para o mundo dos eventos. Segundo o aluno e coordenador da Ação, Guilherme Lourenço, a agência surgiu a partir do conceito de “movimentar-se”. “Quando começamos a pensar nesse trabalho, veio a ideia de que todo movimento nasce de uma ação”. Guilherme ainda explicou que o foco da agência é o mercado de eventos artístico-culturais. Para ele, o diferencial da Ação é mostrar que, quando o assunto é cultura ou arte, a agência pode oferecer uma infinidade de opções. “A nossa proposta é produzir eventos que tenham um mix de atrações. Queremos fazer uma mistura de tudo em apenas um dia. O objetivo mesmo é fazer um evento multifocal”, disse.

Intervenções artísticas e muita música marcaram o lançamento da agência.

Pela quantidade de atrações apresentadas em pouco mais de duas horas de evento, a Ação mostrou que tem “talento” de sobra para transformar qualquer evento em uma noite de variadas sensações. O público pode se encantar com as intervenções artísticas de malabares luminosos, e se divertir durante as apresentações de stand up comedy dos humoristas Bruno Berg e Edgar Quintanilha, do grupo Queijo Comédia e Cachaça. O grupo cultural Arautos do Gueto mostrou que música boa é feita com qualquer material, reciclado ou não. As cantoras Izabella Brant (Menina do Céu) e Dani Morais (ex- Ídolos) também animaram a plateia. No intervalo das apresentações, o ator e ilusionista Serge Weick mostrava seus truques. Já a dupla Clayton e Romário arrancou suspiros femininos enquanto tocava os grandes hits do sertanejo universitário. A banda Isoldina levantou o público tocando clássicos do rock nacional e, para fechar a noite, o axé do grupo Vira & Mexe provou que os integrantes da ação trabalham muito bem com a diversidade cultural.

O lançamento da agência experimental Ação faz parte da grade curricular do curso, e durante esse período, os alunos realizam um tipo de monografia dividia em etapas. Na primeira parte, os estudantes montam um plano de negócios para a agência e promovem o lançamento. Em seguida, as turmas captam clientes reais e organizam eventos, explicou a coordenadora do curso, Karla Delfim. Ainda segundo Karla, o trabalho é todo voltado para o lado prático daquilo que as turmas irão vivenciar no mercado de trabalho. “O objetivo é fazer com que eles coloquem a mão na massa e desenvolvam o espírito empreendedor. Tudo está relacionado, desde a organização do evento até os possíveis parceiros das agências”, relatou. Satisfeita com o resultado, Karla parabenizou a equipe da Ação. “A noite foi maravilhosa. Os estudantes provaram que têm capacidade e credibilidade para se tornarem grandes produtores de eventos”, destacou.

Fotos: Marlene Machado

Anúncios
Posted in: Diversão, Negócios