Festival de música independente agita a Feira Mineira

Posted on 13/04/2011

0


O MMF fez barulho para mostrar as novas caras da música.

Quem gosta de ir à Feira Mineira de Arte e Artesanato do Mineirinho teve uma surpresa barulhenta, porém muito agradável, no último domingo (29/08). O público pode conferir a etapa final da 1ª edição do Minas Music Festival, um evento que reuniu grandes bandas do cenário independente da capital, e também de outras partes do Brasil. O MMF é um grande aliado para os artistas independentes que querem dar aquela alavancada na carreira. Do pop ao rock, da MPB ao hip hop, a variedade musical do evento agradou a todos, e quem foi à feira apenas para dar uma passeada pelas barracas de artesanato, resolveu ficar e curtir um pouco mais do evento que contou com a participação do apresentador da Record Minas, Mauro Tramonte.

“O Minas Music Festival é a ponte que essas bandas precisam para começar a carreira. O cenário independente é muito difícil. Trazer músicos de várias partes do Brasil é como um intercâmbio para os artistas”, afirmou o organizador do evento, Marcos Felipe Araújo. Nesse cenário de incertezas do universo indie, uma banda formada por garotos que ainda não deixaram o Ensino Médio levantou o público. A New Vision saiu da cidade de Ibiraci, em Minas Gerais, especialmente para se apresentar no MMF. Os garotos, que gostam de tocar pop rock, têm pouco mais de um ano de carreira e já estão animados com as possibilidades que encontraram ao se apresentar para o público de Beagá. “Na nossa cidade o sertanejo domina, somos a única banda de rock de lá e para conseguir tocar tem que ter muita força de vontade. Esse é o nosso primeiro show em Belo Horizonte. Isso é legal porque vamos ter muitas oportunidades para divulgar nossa banda, para um publico diferente”, afirmou o vocalista, Ezequiel Cunha.

E se o assunto é deixar a cidade natal para se aventurar em outros ares, os integrantes da San Diego High School também podem se orgulhar dessa experiência. Os garotos trocaram as praias cariocas pelo palco do MMF e se admiraram com a força do cenário independente em Belo Horizonte. “No Rio, não há festivais assim. É difícil ter o apoio da mídia ou de alguma empresa para organizar um evento que privilegie somente o pessoal do Indie”, ressaltaram os integrantes da banda. E se A San Diego gostou do que viu em Belo Horizonte, a resposta do público foi a mesma para o show da banda. O estilo punk pop, que lembra o som de bandas como Blink 182 e Green Day agitou, e muito, a plateia.

Bandas de diversos estilos musicais subiram ao palco do festival.

Mas não foi só o rock que tomou conta da Feira Mineira. O público também se divertiu ao som da MPB e Samba Rock tocados pela Rara Calma. A banda, que tem um ano e meio de carreira, acredita que iniciativas como a do Minas Music Festival são essenciais para os artistas independentes. “Tem muita banda boa aqui em Belo Horizonte. Nós precisamos é de espaço e divulgação para continuar com o trabalho”, afirmou a vocalista Sofia Cupertino. A banda gospel Eternos também pensa assim. Para o vocalista, André Elias, é difícil ver uma banda do estilo se apresentar em festivais que têm atrações variadas. O universo da música gospel ainda não é muito bem aceito pelo público em geral. “Tocar aqui no festival faz com que o público possa conhecer melhor nosso trabalho e, quem sabe, até gostar mais desse estilo”, ressaltou o músico.

Para garantir uma boa divulgação do trabalho das bandas que passaram pela 1ª edição do Minas Music Festival, a equipe de produção do festival contou com o apoio da TV Record Minas. O apresentador do Balanço Geral, Mauro Tramonte, fez questão de subir ao palco para receber uma homenagem dos organizadores do MMF. Em seguida, Mauro conversou com algumas bandas e com a plateia. O apresentador parabenizou o esforço dos músicos e reafirmou a importância do trabalho independente em Minas Gerais. Para ele, o verdadeiro talento está no estado e precisa ser visto. “A presença do programa aqui no evento é para garantir que essa garotada talentosa seja vista. Temos uma grande audiência e as bandas podem aparecer em várias partes do mundo”, disse o apresentador.

Anúncios
Posted in: Cidades, Moda